Como ajudar seu filho a encarar a volta às aulas de uma forma mais otimista!

Como ajudar seu filho a encarar a volta às aulas de uma forma mais otimista!

Julho chega ao fim e com ele também o período que as crianças e jovens têm para descansar em meio ao ano letivo.

Com algumas exceções, a maior parte deles, no entanto, não se sente muito animada para o retorno às aulas: afinal, a rotina de acordar cedo ou ter de cumprir determinado horário todos os dias, abandonar as oportunidades de brincadeiras inusitadas ao longo da semana (em dias e locais que não estavam programados) e ter de assumir novamente responsabilidade com deveres de casa e datas de provas não é uma coisa que parece tão legal de cara.

Mas a boa notícia é que algumas atitudes dos pais podem ajudar a tornar a perspectiva de volta às aulas mais positiva para os alunos! Veja a seguir as dicas que separamos para isso:

Faça a volta às aulas parecer um evento agradável:

Tire a perspectivas e expectativas ruins de cena. Em primeiro lugar, para que não fiquem desapontadas, é preciso rever comportamentos e evitar frases negativas perto das crianças, mesmo que seja de brincadeira. Se elas se sentirem pressionadas, provavelmente não serão encorajadas.

Sempre que for falar disto, nunca use aquele tom preocupante ou de suspense “Ih, as férias já estão acabando hein…” ou “Vai acabar a moleza! Semana que vem tem aula” e ainda “Já já vai começar tudo de novo”.

Pelo contrário, você deve usar o bom humor e ajudar a criança a ver a volta às aulas como uma oportunidade de tudo ser diferente e melhor e não necessariamente dizer que ela terá “mais do mesmo” ou ensejar uma rotina cansativa e desmotivadora.

Até mesmo renovar algum item do material escolar pode ser um motivo de alegria e desvio de atenção da criança para aquilo que é legal e não somente para o que parece desvantagem

Lembre a criança de que ela irá reencontrar os amigos:

Mesmo que gostem das férias, algumas crianças podem se sentir entediadas em casa com o passar dos dias sem ter alguém para brincar.

Lembrá-las de que voltando às aulas irão reencontrar “o Pedro, o Henrique, a Mariana…” ou quem quer que sejam as pessoas com as quais eles têm maior afinidade na escola (até mesmo determinados professores e funcionários) é uma ótima maneira de incentivá-los a retornar felizes!

Além disto, lembre-os que os primeiros dias poderão ser muito interessantes ao compartilharem a experiência de férias com os demais, contar para os amiguinhos as coisas que fizeram e também elaborar atividades voltadas a isto, tornando o fim das férias um sinônimo de oportunidade de contar algo para os amigos!

Diga para a criança que ela aprenderá coisas novas:

Cansadas de determinadas matérias ou assuntos, por exemplo, as crianças podem não ter estímulo para voltar às aulas por pensar que o tema em sala será sempre maçante.

Mas lembrá-las de que um novo semestre irá começar com uma programação didática provavelmente diferente do primeiro, pode despertar curiosidade para o que vão aprender de novo dali para frente e como podem recuperar o que eventualmente não foi tão bom ou fácil no semestre passado, permitindo que se adaptem melhor aos novos conteúdos, tudo do zero e entendendo melhor as matérias.

Além disto, crianças gostam de aprender sempre e descobrir coisas novas! Dizer a elas que ficarão mais “inteligentes” com os estudos novos com certeza será empolgante, ainda mais se você mostrar o quanto valoriza isso (de uma forma amiga) e o quanto ela poderá se tornar mais esperta e autônoma para interagir com os outros e com o mundo ao redor quando tiver aprendido mais coisas!

E você, o que tem feito para que o seu filho encare a volta às aulas com mais energia e empolgação? Comente conosco!

Summary
Article Name
Como ajudar seu filho a encarar a volta às aulas de uma forma mais otimista!
Author

Deixe abaixo seu comentário

comentários

Share this post

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *